domingo, 5 de setembro de 2010

Herança Maldita - 2008


HERANÇA MALDITA

Título Original: Baby Blues
Gênero: Terror / Thriller
Direção: Lars Jacobson e Amardeep Kaleka
Tempo de Duração: 77min

Sinopse: A psicose pós-parto é um dos casos mais sério de depressão que ocorrem com mulheres que dão a luz. Baseado em fatos reais, Herança Maldita contra a história de um jovem de dez anos, Jimmy, que é forçado a proteger seus irmãos de um mal inevitável, que os ameaça em uma tranquila fazenda. Eventos surpreendentes o farão querer que um mal como este nunca entre em sua casa.

Link para o filme clique aqui

-------

Os casos de psicose pós-parto ocorrem entre um e dois cada mil partos, o que pode ser considerado uma alta incidência em relação ao numero de partos diários.  Esse tipo de psicose causa graves prejuízos funcionais da mulher, ou seja, ela deixa de fazer o que seria normal, como cuidados com ela e/ou bebe, podendo causar seu suicídio ou mesmo  o infanticídio (assassinato do bebe). Após a ocorrência de psicose pós-parto, pode aumentar as chances de 30% a 50% nos partos posteriores.
Entre os sintomas da psicose pós-parto estão a perda do senso de realidade, delírios e alucinações. É necessário que a família e os médicos que acompanham a mãe e o bebê sejam alertados, pois tanto mãe quanto bebê correm risco de vida.  
Numa visão psicanalítica, na psicose pós-parto, durante o surto, para a mulher o bebe não existe enquanto real. O que acontece é que o bebê passa a ocupar um espaço vazio que é preenchido por elementos do psiquismo (mente) da mãe, porém que não fazem parte da realidade, é cindido, ela (a mãe) não faz diferenciação entre o que é real e o que é fantasia. Essas fantasias, por vezes são ocultadas pela mulher, pois ela encontra-se paranóide. Diferente das fantasias esperadas sobre o suposto roubo ou perda do bebê, que são normais. E fazem parte desse processo que a mulher passa. Quando ocorre casos de psicose, a angustia que essas fantasias causam são de ordem insuportável, e então pode ocorrer rituais obsessivos e pensamentos desconexos. Um histórico psiquiátrico com surtos anteriores traz fortes indícios de risco nestes casos.
Pensamentos paranóicos instauram-se desde o começo do filme, seguidos de alucinações. Inicialmente o filme mostra bem como são essas alucinações paranóicas. Mostra também a perca da realidade e alucinações auditivas e pensamentos totalmente desconexos.
No decorrer do filme é visível que não há apenas uma psicose pós-parto, embora seja esse o tema principal do filme, mas existe também uma psicose de cunho secundário, provavelmente que teve seu inicio juntamente com a depressão puerperal.  
A série de acontecimentos mostra também como a patologia da mãe pode causar danos aos filhos. A nível imediato, mas também (e principalmente) a longo prazo.

Fontes: Fonte 1
Fonte 2: DEPRESSÃO PÓS-PARTO, PSICOSE PÓS-PARTO E TRISTEZA MATERNA*
Vera Iaconelli
*Artigo publicado na Revista Pediatria Moderna, Julho-Agosto, v. 41, nº 4, 2005.

--------------

PS: à respeito dos comentários na postagem anterior, meu objetivo aqui não é descrever TODOS os aspectos psicológicos (ou subjetivos) envolvidos em um filme, seja ele qual for, é pura e simplesmente mostrar que  há coisas que podem ser discutidas sob uma ótica psicológica. Levando em consideração que o blog não é feito para psicólogos, nem para cineastas ou cinéfilos, e sim para qualquer pessoa que possa achar interessante. Não adianta eu me aprofundar em determinado assunto, dizer varias coisas cientificas e um leigo não entender nada. Se quer saber sobre ciência indico o scielo tem ótimos artigos científicos lá, inclusive procuro sempre me basear por lá para escrever os textos daqui. Sugestões e críticas de como posso melhorar, serão sempre muito bem vindas. 

5 comentários:

  1. Sempre achei que quando aconteceia casos assim em que a mãe mata o filh e tal, achava que a mulher era doida de pedra mesmo, não sabia que era uma coisa ligada ao nascimento do bebe e tal. Bom muito bom saber disso, o dia que eu fr ter um filho ficarei já esperto com a mulher que for ser a mãe hehehe brincadeira. é bom demais aprender coisas que eu não sabia que tinham explicações psicológicas, continue assim Mari, o blog cada dia melhor (y).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Brincadeira de idiota, e provavelmente sua mulher vai tentar te matar de tanto que vc vai irritar ela.

      Excluir
  2. Tem um filme chamado "Uma estranah entre nós" que estreiou recentemente, no RJ, que fala sobre depressão pós-arto de maneira muito realista, o filme é mto bom ! Parabéns pelo blog. Psicologia e cinema tem tudo a ver! :)

    ResponderExcluir
  3. ausdhauisodhbaousdsa
    ta bom! entao farias de férias!
    iurrrr
    nao vi tb! nao sabia q tinha essa de psicose pos parto...ah va
    antes tava super na moda depressao pos parto...agora é psicose?
    entao ta ne

    ResponderExcluir